Gestão Empresarial

5 dicas para manter a saúde financeira da pequena empresa

5-dicas-para-manter-a-saude-financeira-da-pequena-empresa.jpeg

O crescimento de uma empresa depende do controle sobre seus números e finanças. Para tornar isso possível, é necessário conhecer os indicadores do negócio, ou seja, os valores das vendas, a lucratividade e o ticket médio — bem como a maneira como eles influenciam na saúde financeira da empresa.

Quando as contas estão em dia, há tranquilidade para pensar em investimentos e em novos projetos com o objetivo de alavancar os negócios. Os compromissos assumidos com os parceiros e fornecedores são honrados e ampliam-se os lucros sobre o capital investido.

A seguir, confira 5 dicas para manter a saúde financeira da pequena empresa.

1. Analise os custos da empresa

Compare os custos com as receitas. Se a conta não bater, algo está errado. Atenção com a forma como ocorre o processo produtivo da sua empresa, bem como a utilização de todos os gastos que são necessários para colocar os seus produtos ou serviços à venda.

A correta gestão dos custos evita os impactos negativos em seu resultado, principalmente as dívidas. Quando estas ocorrem, torna-se muito difícil reverter. Para controlar e entender melhor os gastos, utilize uma ferramenta tecnológica que registre todos os processos que ocorrem dentro da empresa.

2. Faça um plano de contas

Controle com rigidez o plano financeiro do seu negócio. Por mais que ele tenha lucro, é comum não ter caixa por causa da falta de controle das vendas a prazo ou das datas de pagamento dos fornecedores, por exemplo.

Monte um plano de contas e delimite os prazos para recebimentos e pagamentos. Deixe-os compatíveis para evitar quebras de caixa. Entenda como os recursos estão sendo utilizados e controle frequentemente toda a movimentação de dinheiro.

3. Controle os limites de crédito

Sua empresa possui linhas de financiamento e cartões de crédito junto às instituições financeiras? Cuidado! Se esses recursos estiverem sendo utilizados na tentativa de equilibrar o caixa, é melhor redobrar a atenção.

Evite exceder os limites estabelecidos, pois, isso impacta na pontuação de crédito (score) e pode prejudicar chances futuras de obter outros financiamentos empresariais, como um empréstimo para ampliar sua estrutura.

4. Tenha um fundo de emergências

O fundo de emergências é uma precaução que poucos gestores dão a devida atenção. Essa solução é extremamente necessária em períodos onde as vendas caem e ocorrem situações inesperadas, provocando aperto financeiro.

Crie um fundo emergencial para a sua empresa e tenha liquidez para, pelo menos, três meses de despesas. Esses recursos podem ser guardados em um fundo de renda fixa ou de liquidez imediata. Dessa forma, é possível ter uma reserva para suportar as circunstâncias críticas sem que afete sua operação.

5. Contrate uma assessoria contábil

Ter um contador é essencial para manter a saúde financeira de uma empresa. Ele é o profissional que tem o conhecimento necessário das leis tributárias vigentes no país — e você sabe que elas são muitas. A atuação dele em qualquer companhia visa manter as contas em dia e, ao mesmo tempo, economizar em vários aspectos financeiros.

Por mais que você tenha experiência na administração do seu negócio, querer executar todas as tarefas sozinho não ser uma boa ideia. Conte com o apoio de especialistas em outras áreas, principalmente quando o assunto é contabilidade e finanças.

Uma assessoria contábil ficará responsável por fazer o planejamento tributário, manter a organização das contas e gerenciar a parte financeira. Você poderá acompanhar o trabalho de perto e receberá todas as informações necessárias sobre a saúde financeira do seu negócio, tendo mais tempo para focar em outras atividades e tomar as decisões corretas.

Assine a newsletter e receba em seu e-mail outros conteúdos atualizados do nosso blog com foco em gestão financeira. Fique por dentro de outras soluções que lhe permitam tomar decisões estratégicas em seu negócio.

Sobre o autor

Fortes Contabilidade

Deixar comentário.

Share This
Navegação